Ciclismo Seniores

César Fonte a dois segundos da amarela

Federação Portuguesa de Ciclismo

No Grande Prémio Internacional Beiras e Serra da Estrela, o vianense César Fonte (W52-FC Porto) classificou-se em 2º lugar a 2s do vencedor Dmitrii Strakhov (Lokosphinx), percorridas as três etapas da prova.

No primeiro dia,  César Fonte foi 9º, com o mesmo tempo que os primeiros.

O melhor momento do vianense estaria reservado para a segunda etapa, já que foi o grande vencedor com o tempo de 4:48.58. César foi o mais veloz a percorrer os 193.9km que ligaram Sabugal a Seia.

Na terceira, e última etapa, foi 6º a 40 segundos do vencedor da etapa Mario Gonzalez do Sporting de Tavira.

Com a época a arrancar, e em declarações ao Desporto em Viana, César Fonte, confessou ter ficado com sabor agridoce. “Só posso fazer um balanço positivo, fui competitivo e é para isso que trabalho diariamente. Acabei por ganhar uma etapa, faço segunda na geral, mas fica aquele sabor amargo na boca. Estive tão perto de ganhar que até acabo por ficar triste pelo resultado final, no entanto também tenho que saber reconhecer que os adversários estiveram fortes”.

César podia ter saído vencedor desta prova, até porque “tinha boas pernas para conseguir alcançar a vitória final. Agora foi uma corrida decidida ao segundo e à bonificação. O Strakhov acabou por ser mais forte nesse aspeto nos três dias”.

Os indicadores são bons, e com nova equipa, o vianense pretende “continuar a ser competitivo e, sempre que tiver oportunidade dentro da equipa, vou tentar amarrar a oportunidade. Temos um grupo muito forte e todos podemos vencer. Ainda falta muita época e tudo faremos para atingir os objetivos propostos no início do ano”.

 

 Topo