Água

Esperanças do surf Feminino coroadas no Cabedelo

Surf Clube Viana

Mafalda Lopes e Francisca Veselko sagraram-se campeãs nacionais de 2018, em Sub 18 e em Sub 16 respetivamente, este domingo, dia 6, na praia do Cabedelo, em Viana do Castelo, onde se realizou a Finalíssima destas categorias do Campeonato Nacional de Surf Esperanças.

“Condições excelentes”, “altas ondas” e “grande nível competitivo” caracterizaram esta prova, que havia sido adiada em agosto de 2018, e que contou com a organização do Surf Clube de Viana (SCV) e da Federação Portuguesa de Surf (FPS), segundo nota do clube.

Mafalda Lopes sagrou-se campeã nacional de Sub 18, seguida por Francisca Veselko, e por Carolina Santos e Matilde Passarinho.

“O meu objetivo, desde o início, era ser campeã nacional. Estou contente! As condições estavam boas. Deu para fazermos o nosso surf e para nos divertirmos. O nível estava alto. Não foi fácil, mas dei sempre o meu melhor”, referiu Mafalda Lopes.

Francisca Veselko conquistou o título de campeã nacional de Sub 16, à frente de Carolina Santos, e de Beatriz Carvalho e Concha Balsemão.

“Estou super feliz! Trabalhei o ano todo para ser campeã nacional. Também gostava de ter conquistado o título de Sub 18 pela primeira vez, mas já estava muito cansada”, avançou Francisca Veselko, tendo também considerado que, “hoje, tivemos altas ondas, as ondas perfeitas para demonstrarmos o nosso surf e termos uma boa Finalíssima”.

Raquel Otero, atleta do Surf Clube de Viana, perante prestações muito consistentes das adversárias, terminou em 7º lugar em Sub 16.

“Devido ao intenso calendário da FPS quase todas as datas estão ocupadas ao longo do ano. Apesar de ter sido complicado para o SCV gerir as expetativas até nova data para a Finalíssima, compensou, pois as ondas estiveram incríveis e a prova foi muito bem disputada”, avançou João Aranha, presidente da FPS.

 Topo