Hóquei

Juventude de Viana abanou o dragão

Juventude de Viana

A Juventude de Viana criou muitas dificuldades à equipa do FC Porto na 15ª jornada do campeonato nacional da 1ª divisão de hóquei em patins, mas perdeu por 7-5.

Depois da Oliveirense a Juventude de Viana apanhou mais um grande pela frente que, com este resultado, fica a apenas um ponto da líder Oliveirense. A Juventude de Viana desceu ao 8º lugar com 17 pontos, menos um que Braga, adversário da próxima ronda.

A equipa de Viana do Castelo entrou a ganhar com um golo de Gustavo Lima (0-1) e foi de livre direto que Hélder Nunes empatou (1-1) para os locais. A partir daí não mais a Juventude esteve em vantagem, porém esteve sempre ligada na partida e no resultado.

O resultado ao intervalo espelhava o equilíbrio entre as duas equipas (2-2), com os tentos de Telmo Pinto (2-1) e Luís Viana (2-2).

O segundo tempo começou melhor para o FC Porto e pior para a Juventude de Viana que se apresentou muito bem organizada defensivamente, no entanto em 2m sofreu dois golos que colocaram o Porto em vantagem (3-2 Giulio Cocco) e, novamente de livre direto, Hélder Nunes (4-2).

Insatisfeita, a Juventude de Viana procurou o golo e Francisco Silva reduziu (4-3) a faltarem 22m para o final.

De novo de bola parada, agora pênalti, Gonçalo Nunes voltou a colocar em dois golos a margem de segurança do Porto (5-3) e Giullio Cocco a tranquilizar os homens de Cabestany (6-3).

Sem deitar a toalha ao chão Francisco Silva deu novo ânimo à equipa (6-4), sendo que Gustavo Lima voltou a colocar a margem do Porto em perigosa (6-5).

Com a Juventude a tentar chegar ao empate, Tó Silva foi expulso, estando no banco, e o Porto, em superioridade numérica, confirmou a vitória (7-5) através de Hélder Nunes.

Recorde-se que o Porto ainda não perdeu pontos no Pavilhão Fidelidade.

 

 Topo