Hóquei

Juventude de Viana joga a cartada final rumo aos oitavos da CERS

É na Alemanha que a Juventude de Viana vai tentar carimbar o passaporte para os oitavos de final da Taça CERS depois de vencer o TuS Düsseldorf – Nord na 1ª mão, em Monserrate por 7-1.

A equipa de Viana do Castelo está privada de André Azevedo e Tó Silva, por lesão, e tentará contrariar as dificuldades impostas por este “osso duro de roer alemão”, de seu nome Dusseldorf, que surpreendeu em Monserrate. Para Dusserldorf Renato Garrido só pode contar oito atletas disponíveis.

“Naturalmente, vai ser um jogo difícil, mas julgo que se estivermos ao nosso nível conseguimos chegar ao nosso objetivo que é a vitória”, explicou ao portal do clube o reforço desta época João Ramalho. Acrescentou, porém, “o facto de jogarem em casa e serem uma equipa forte fisicamente poderá ser uma dificuldade, mas estamos confiantes num bom resultado”.

O mesmo não acredita em vitórias pré conseguidas e deixa o alerta. “No hóquei nada é garantido, mas sabemos que essa vantagem é boa e jogaremos com a mesma seriedade e compromisso de sempre”.

O jogo decorre às 19h00 (hora portuguesa), sendo apitado por uma dupla italiana, Joseph Silecchia e Giovanni Andrisani.

 

 Topo