Hóquei

Passos Lomba: “Deveríamos ter tido um outro resultado”

Arquivo Desporto em Viana / DR

No duelo da 22ª jornada do campeonato nacional da 3ª divisão, a Escola Desportiva de Viana (EDV) perdeu em casa por 5-7 diante do USC Paredes II.

Os comandados de Passos Lomba  não conseguiram suster uma equipa que luta por se manter no grupo dos lugares que dão acesso à 2ª divisão. “Era um jogo de maior exigência, mas sabíamos que, apesar das dificuldades que iríamos encontrar, poderíamos ganhar o jogo e somar os três pontos que nos permitiriam chegar aos 30 pontos neste campeonato nacional”.

A EDV marcou primeiro por Nuno Midões (1-0) e os visitantes empataram, no minuto seguinte, por Eduardo Cardoso (1-1). Os locais voltaram a adiantar-se por Rui Araújo (2-1) e levaram esse resultado para as cabines.

A abrir o segundo período Ricardo Magalhães empatou para o Paredes (2-2) e, de pênalti, Gonçalo Ouro deu a cambalhota no marcador (2-3). Ainda dentro do mesmo minuto a EDV poderia ter empatado, mas Eduardo Fernandes permitiu a defesa de João Patrício. Esse importante golo chegaria por Rui Araújo (3-3), sendo que Bruno Malheiro ampliou (4-3). Os Gonçalos, Figueiredo e Ouro, fizeram com que os visitantes voltassem para a frente (4-5). De livre direto Eduardo Cardoso e Filipe Vaz ampliaram (4-7) e não mais a EDV conseguiu discutir o resultado, apesar do golo de Eduardo Chavarria a 1m do final de pênalti.

Acerca da prestação da sua equipa o treinador Passos Lomba explicou que “a EDV entrou muito bem no jogo e causou imenso desconforto. Além do mais, conseguimos defender de uma forma muito assertiva, anulando ao máximo o volume atacante do Paredes, e conseguimos criar diversas situações de contra-ataque e ataque rápido. A segunda parte fica marcada por uma boa entrada da nossa parte, onde uma vez mais fomos capazes de suster o volume atacante do adversário e a sua pressão. A equipa manteve a consistência defensiva da primeira parte e, uma vez mais por factores que não conseguimos controlar, a equipa viu-se privada de duas ou três situações que nos poderiam colocar numa situação mais vantajosa no marcador, obrigando a Escola Desportiva de Viana a ter de ir atrás do prejuízo e em duas situações em inferioridade numérica”.

Desta forma, “o jogo foi disputado até aos últimos segundos. Poderíamos e deveríamos uma vez mais ter tido um outro resultado por tudo o que a Escola Desportiva foi capaz de aplicar e criar em ringue, mas não foi possível.”

Com esta derrota a EDV soma 27 pontos e mantém o 6º lugar. O próximo jogo é só a 14 de abril, às 18h, fora de portas diante do Fão, 8º classificado com 24 pontos.

Sub 15 goleados pelo líder invicto Valongo

No campeonato nacional de sub15, a EDV não resistiu ao líder Valongo e acabou por perder por 1-9. Marcou o golo dos edevistas António Martins.

Com este resultado os vianenses continuam no terceiro lugar, com 12 pontos, a três do segundo, o Barcelos. A 7 de abril, domingo, às 15h,  a EDV volta a jogar em casa desta vez com o último classificado, o Académico que não soma qualquer ponto.

 

 

 Topo